Guto Requena
002_ED3.jpg

Utopia - SPFW N47

ARCHITECTURE
São Paulo, Brazil, 2019

The edition number 47 of the SPFW set design is inspired by the concept of Utopia and it invites its visitors to reflect on their own utopias. Taking up an old vacant industrial shed which measures around 5,000 sq mt with a 16-meter high ceiling, the two fashion show rooms are located at the sides of the shed and each one of them can have 1,700 people inside. At the center, we created a square as a design gesture of embracing the collective by allowing visitors to meet up. The square is formed by six pieces of furniture which were designed to have different purposes each, such as: sitting down, watching the shows on the big screens around the square, having a drink at the bar, having some privacy in the small garden or playing in the see-saws.

The six pieces of furniture work as if they were pieces which could be found at any big city square. From above, they gather up to form the word UTOPIA. Every letter was created so that visitors could always be facing or close to each other, creating social exchange and interaction. And one can not help dreaming that the closeness created by the square may stimulate empathy among visitors. Right at the entrance, the first piece of furniture forms the letter U and is completely made of wooden slats. The letter has sensors that recognize when people are sitting in groups by turning on flashing lights in its inside that pulse to visually express all the potential those meetings might have.

-

O projeto de cenografia do SPFW nesta edição número 47 é inspirada no conceito de Utopia. Um convite aos visitantes para refletirem sobre quais as suas próprias utopias. Ocupando um antigo galpão industrial desativado, com cerca de 5.000 m2e um pé direito de 16 metros de altura, as duas salas de desfile situam-se nas laterais, cada uma com capacidade para cerca de 1.700 pessoas. Ao centro do espaço, criamos uma praça, num gesto de design que possibilita o coletivo e o encontro entre os visitantes. Essa praça é formada por seis mobiliários e cada um foi desenhado para diferentes funcionalidades, como sentar, assistir aos desfiles nos grandes telões que circundam a praça, tomar um drink no bar, buscar privacidade dentro de um pequeno jardim ou brincar nas gangorras.

Os seis mobiliários funcionam como se fossem móveis urbanos e poderiam estar localizados em uma praça de grande metrópole. Vistos de cima, eles formam juntos a palavra UTOPIA. Cada letra foi criada de modo que os visitantes sempre estejam de frente ou próximos uns dos outros, permitindo possíveis trocas e conversas. E quem sabe não podemos sonhar que essa praça também possa estimular a empatia entre esses visitantes. Logo na entrada, o primeiro mobiliário forma a letra “U”, todo feito em ripas de madeira, com sensores que reconhecem quando as pessoas sentam em grupos, acendendo luzes em seu interior que pulsam sinalizando visualmente as potencialidades desses encontros.

002_ED3.jpg
gutorequena.utopia.spfw2019-7798.jpg
gutorequena.utopia.spfw2019-8063.jpg
gutorequena.utopia.spfw2019-8254.jpg
gutorequena.utopia.spfw2019-7774.jpg
gutorequena.utopia.spfw2019-8376.jpg